Esfigmomanômetros / Autorização de Oficinas

Os seguintes requisitos devem ser atendidos pelas proponentes/permissionárias para o recebimento pelo Inmetro, por intermédio do IPEM-PR, da autorização para execução dos serviços de reparo e manutenção em Esfigmomanômetros.
 

DOCUMENTAÇÃO

Proponente – Sociedades empresárias e não empresárias (sociedades simples) que solicita junto ao Inmetro a permissão para realizar as atividades de reparo e manutenção em instrumento de medição. (3.3 da Portaria Inmetro 65/2015)

Consultar

 

PADRÃO DE TRABALHO

 

TIPO DO CERTIFICADO

PERIODICIDADE

Esfigmomanômetro Mecânico

01 (um) MANÔMETRO CALIBRADO COM DIVISÃO DE ESCALA DE, NO MÁXIMO, 0,25 mmHg (0,03 kPa);

MANÔMETRO QUE INDIQUE PELO MENOS 400 mmHg (53,3 kPa) 300 mmHg

CALIBRAÇÃO

RBC

12 MESES
CRONÔMETRO COM TOTALIZAÇÃO MÍNIMA DE 15 min E RESOLUÇÃO DE 0,1 s - -

Esfigmomanômetro Eletrônico Digital

01 (um) MANÔMETRO DE REFERÊNCIA COM DIVISÃO DE ESCALA DE, NO MÁXIMO, 0,25 mmHg (0,03 kPa) E

INCERTEZA MENOR QUE 0,8 mmHg (0,1 kPa)

CALIBRAÇÃO

RBC

12 MESES

* com certificado de calibração emitido por laboratório acreditado RBC.

A permissionária deve estar atenta quanto a validade dos certificados dos padrões usados e mantê-los sempre atualizados. Também fica responsável para encaminhar ao IPEM-PR os novos certificados sempre que houver um novo.

RECURSOS HUMANOS

Os reparos e as manutenções devem ser realizados por técnicos cadastrados pelo órgão metrológico e com capacitação técnica comprovada e compatível com a atividade do escopo da autorização.

Detalhes

 

INSTALAÇÕES FÍSICAS AVALIADAS

► As instalações físicas fixas com tamanho compatível com a atividade autorizada e que atenda as condições e necessidades para o desempenho dos serviços autorizados pelo IPEM/PR.

MATERIAS COMPLEMENTARES
Esfigmomanômetros Mecânicos
► Recipiente cilíndrico de metal rígido com capacidade de 500 ml +- 5%;
► Geradores de pressão: pêra ou bomba manual ou elétrica
► Válvulas de alívio de pressão
► Conexões tipos: “T”; “Y”, “L” e “I”;
► Tubos flexíveis
► Lupa portátil
► Luvas de algodão
► Cilindro rígido
► Mini capela química
► Material para marcar os esfigmomanômetros rejeitados (por exemplo, etiquetas coloridas ou canetas para escrever em vidro);


Esfigmomanômetro Eletrônico Digital
► Recipiente cilíndrico de metal rígido com capacidade de 500 ml 5%
► Geradores de pressão: pêra ou bomba manual ou elétrica
► Válvulas de alívio de pressão
► Conexões tipos: “T”; “Y”, “L” e “I”
► Cilindro rígido adequado ao tamanho de braçadeira do instrumento
► Material para marcar os esfigmomanômetros rejeitados (por exemplo, etiquetas coloridas ou canetas para escrever em vidro)


► Bancadas destinadas aos serviços e exames que atendam as necessidades metrológicas.
► Etiqueta adesiva com o número da autorização e da razão social.

Modelo de etiqueta para esfigmomanômetros

PRESTAÇÃO DE CONTAS

No estado do Paraná as empresas permissionárias já utilizam o PSIE nos lançamentos dos serviços de reparo ou manutenção executados desde 2012.

NOVO! Não é mais necessário informar o número do Inmetro (inventário) na prestação de contas no PSIE. O campo já está desabilitado. (atualizado em 10/09/2019)

Critérios Específicos para Esfigmomanômetros

A substituição da braçadeira implica na prestação de contas e colocação da marca de reparo no instrumento.

 

AUTORIZAÇÃO - CONCESSÃO, FORMALIZAÇÃO e OBRIGAÇÕES

CNAE 3312102 - Aparelhos e instrumentos de medida, teste e controle, manutenção e reparação executada por unidade especializada.
CNAE 3312103 - Aparelhos e equipamentos etromédicos e eletroterapêuticos, manutenção e reparação executada por unidade especializada.
 
 
 

TAXA DE SUPERVISÃO TÉCNICA

R$ 487,06 (PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 44, DE 27 DE JANEIRO DE 2017)

O boleto no valor será fornecido após a entrega da documentação completa.
* valor da taxa conforme tabela de serviços do Inmetro

Detalhes


Legislação

Reparo e Manutenção de Instrumentos de Medição Regulamentados em Metrologia Legal - NIT-DICOL-002
  Periodicidade das Calibrações/Verificações para os Padrões de Medição Utilizados por Oficinas Autorizadas - NIT-DICOL-003
Portaria/INMETRO 46, de 22/01/2016
Portaria de aprovação de modelo INMETRO
Procedimentos para Verificação de Esfigmomanômetros mecânicos - NIE-Dimel-006
Procedimentos para verificação e inspeção de esfigmomanômetro digital - NIE-Dimel-097

 

atualizado em 15/04/2019

 

Recomendar esta página via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem