Notícias Presidente do INMETRO e dirigentes de órgãos delegados traçam diretrizes de atuação 27/02/2019

A presidente do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, Ângela Flôres Furtado, promoveu a primeira reunião com a participação dos dirigentes dos órgãos delegados do INMETRO em todo o país, no dia 25, em Xerém-RJ, onde discutiram os planos de trabalho e planos de aplicação para 2019, estabelecendo prioridades a serem seguidas.

O presidente do Instituto de Pesos e Medidas do Paraná, Rubico Camargo, esteve presente ao evento, apresentando do Instituto estadual, e fazendo uma análise swot, mostrando as forças e fraquezas, oportunidades e ameaças; onde falou dos laboratórios de grandes massas e têxtil, este o único no setor público no país que realiza trabalhos para os Institutos estaduais. Rubico falou ainda do laboratório de medidores de umidade de grãos, o primeiro implantado no país, entre os órgãos delegados.

Camargo apresentou ainda os desafios para sua gestão, citando a força de trabalho, que hoje é insuficiente, principalmente no que trata de servidores públicos com poder de polícia administrativa, pois há 40 anos que o Estado não promove concurso para o preenchimento de vagas criadas com as aposentadorias dos servidores. O presidente do IPEM-PR falou ainda da falta de espaço físico na sede da autarquia em Curitiba, e da Regional em Guarapuava, que funciona em prédio alugado, sem estrutura para a demanda de trabalho naquela região, atendida pelo Instituto.

No ponto de vista do relacionamento do IPEM-PR com o INMETRO, o presidente Rubico relatou os constantes contingenciamentos orçamentários que atingiram a instituição, citando o exemplo de 2015, quando estava na presidência do órgão delegado no Paraná, e houve um corte de mais de 40% do orçamento no início do ano, que acabou provocando uma grande perda na força de trabalho no Paraná.

Rubico Camargo falou ainda, entre outros assuntos, da necessidade da intervenção do CONTRAN, através de Resolução, para que o Detran estabeleça convênio com os órgãos delegados para que exija o Certificado de Verificação dos Cronotacógrafos, para emissão do Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV).

Segundo nota divulgada pelo INMETRO - “Foi o primeiro de um ciclo de encontros periódicos, que objetiva a construção conjunta de um sistema de metrologia, de acreditação e de avaliação da conformidade cada vez mais forte, que apoie a indústria e proteja o consumidor.

'Nossa meta de hoje é cocriar uma rota de ação. Meu objetivo é que, a partir de agora, sejamos literalmente um só time, em uma só direção. Os órgãos delegados são a capilaridade do Inmetro em todo o País', afirmou a presidente. Após apresentar alguns princípios que devem nortear a ação da Rede Brasileira de Metrologia Legal e Qualidade (RBMLQ-I), como ética, foco em resultado e transparência, Ângela Flô res Furtado anunciou cinco prioridades para seus primeiros meses à frente do Instituto: planejamento estratégico; eficiência em custos; relações com stakeholders estruturadas; agenda regulatória com previsibilidade e desenvolvimento de um programa de integridade.

Por fim, a presidente estabeleceu ações de curto e médio prazo, que devem ser desenvolvidas nos prazos de 60, 120 e 180 dias, e apresentou um planejamento orçamentário para os órgãos delegados em 2019. A próxima reunião de trabalho entre o Inmetro e a RBMLQ-I acontecerá no dia 26 de abril.”

Fonte: Assessoria de Comunicação IPEM PR

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem