Linha do Tempo

  • 1532

    No Brasil, eram eleitos, mensalmente, dois fiscais municipais para percorrer os comércios locais e verificar possíveis irregularidades em pesos e medidas.

  • 1830

    Deputado gaúcho propõe formalmente que o Império brasileiro substituísse os seus  confusos padrões de pesos e medidas pelo sistema francês, ou Sistema Métrico Decimal, mas sem sucesso.

  • 1862

    Lei Imperial 1.157, assinada por D. Pedro II, determina que o sistema de unidades de medir em uso no Império seja substituído pelo sistema métrico francês.

  • 1872

    Em 1872, o Governo Provincial adquire, para a sede do Licêo, a casa do Comendador Manoel Antonio Guimarães (Visconde de Nacar), um imóvel situado na rua Aquidaban, atual rua Emiliano Perneta.

  • 1945

    Waldemar Loureiro Campos, chefe da Divisão de Fiscalização e Controle do IBPT, em relatório ao sr. Marcos Augusto Enrietti, reafirma a necessidade da criação de uma divisão de metrologia, em conformidade com o Instituto Nacional de Tecnologia (relatórios IBPT 1945 pag. 265)

    Até a presente data, o serviço ficava por conta da Divisão de Fiscalização e Controle do IBPT, porém era deficiente, fazendo apenas a fiscalização de tijolos, telhas, alimentos e adubo. (relatórios IBPT 1945 pag. 105)

  • 1946

    Waldemar Loureiro de campos insiste na criação da Divisão de Metrologia, o que ainda não havia acontecido. (relatórios IBPT 1946, volume 2, pag. 286)

  • 1947

    A Divisão de Metrologia do INT -Instituto Nacional de Tecnologia é criada pela portaria número 40, de 15/07/1947 (relatório IBPT 1949, pág. 102) com endereço em frente a Escola de Agronomia, na dos Funcionários.

    O primeiro diretor da divisão de pesos e medidas foi Waldemar Loureiro Campos.

    A divisão foi criada por determinação de Manoel Ribas (governador do Paraná de 1932 à 1945), por influência de seu enteado Marcos Augusto Enrietti, diretor do IBPT.

    Nota: do INT – Instituto Nacional de Tecnologia, mais tarde, foi criado o INPM.

  • 1949

    Sancionada lei de criação da Seção de Aferições de Pesos e Medidas em Ponta Grossa, programado início para janeiro de 1950. (relatório IBPT 1949, pág. 102)

  • 1961

    Lei 4048/1961 criou o INPM – Instituto Nacional de Pesos e Medidas  a regulamentação, porém, só aconteceu em 1969.

    Nesta época, a Divisão de Metrologia ainda era dependente do IBPT, e fazia aferição de balanças, pesos, bombas de gasolina, escalas métricas, caminhões-tanque e caminhões para transporte coletivo. (relatório IBPT 1961)

  • 1967

    Compra terreno no Bacacheri, na rua Estados Unidos, 135.

    Criação do IPEM Paraná pela Lei estadual 5.652 de 06/10/1967.

  • 1971

    Paulo Fontana Junqueira, genro de Iberê de Matos, assume a superintendência regional do IPEM, por 16 anos, até 1987.

    O Paraná atendia também ao estado de Santa Catarina. Já existia a regional de Ponta Grossa, Guarapuava, Londrina e União da Vitória.

    Dr. Paulo criou as regionais de Cascavel e Maringá.

  • 1973

    Lei 5966/1973 criou o INMETRO, em substituição ao antigo INPM.

  • 1995

    Juraci Barbosa derruba o prédio antigo e começa a reforma

  • 1998

    Reinauguração da sede do IPEM/PR.

  • 2017

    Para comemorar os 50 anos, desenvolvidos o selo comemorativo e lançamento do novo site institucional.

    selo 50 anos