Notícias Ipem/PR fiscaliza eletrodomésticos na Operação Especial “Copa do Mundo” 28/06/2018

Durante a Operação Copa do Mundo, realizada entre os dias 11 a 15 de junho, os agentes do Instituto de Pesos e Medidas do Paraná fiscalizaram 2.695 unidades de produtos, entre eletrodomésticos e eletrônicos, em 38 estabelecimentos comerciais em todo o Estado. m nenhuma unidade verificada foi encontrada irregularidade.

Foram fiscalizados produtos como churrasqueira elétrica para uso externo; fogão, forno, fogareiro elétricos; balcão refrigerado de atendimento ou de autoatendimento de uso comercial; fritadeira e frigideira elétricas; grill e grelha elétricas; máquina elétrica de gelo; máquina elétrica de refresco e dispensador de sucos; pipoqueira elétrica de uso comercial e doméstico; refrigerador, congelador e conservador de uso comercial; refrigerador de uso doméstico e televisores.

Para o presidente do Ipem/PR Oliveira Filho, “o resultado dessa Operação Copa do Mundo mostra a conscientização dos comerciantes e fabricantes, que procuram seguir o que determina a legislação e os preceitos do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro, que vem buscando um padrão de qualidade dos produtos nacionais e regramento para os importados, em defesa do cidadão e também dos comerciantes”, disse o presidente Oliveira.

A Operação Copa do Mundo foi realizada pelos fiscais da sede em Curitiba, e das Regionais de Londrina, Maringá, Cascavel e Guarapuava.

Segundo o gerente de Fiscalização do Ipem/PR Roberto Tamari, os agentes fiscais observaram se os eletrodomésticos atendiam às normas do Inmetro, como a presença do Selo de Avaliação da Conformidade e das informações do fabricante. O Selo de Avaliação da Conformidade garante que as características e informações dos produtos sejam as mesmas de quando eles foram submetidos às análises laboratoriais do Inmetro.

Tamari alerta ainda que “os produtos nacionais e importados devem trazer o Selo gravado em seu corpo e também nas embalagens, assim como as informações do fabricante em língua portuguesa, escritas de forma legível”, disse o gerente de Fiscalização do Ipem/PR. Alerta ainda que no caso dos refrigeradores e televisores, os fiscais observam a presença da etiqueta de eficiência energética, que avalia o desempenho do produto no consumo de energia elétrica.

Nos casos em que os fiscais encontram irregularidades, os estabelecimentos têm um prazo de 10 dias para apresentação de defesa junto ao Ipem-PR. Em caso de penalidade, o valor da multa podem chegar a R$ 1,5 milhão, dependendo do caso e se a empresa for reincidente.

OUVIDORIA IPEM-PR – Em caso de dúvida, ou para fazer alguma denúncia, o cidadão deve entrar em contato com a Ouvidoria do Ipem-PR, por meio do telefone 0800 645 0102, de segunda a sexta, de 8h às 12h e 13h às 17h, ou através do site do Ipem-PR: www.ipem.pr.gov.br, no link “Ouvidoria”.

Fonte: Assessoria de Comunicação Ipem/PR

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem